636 veio premiado hoje

Eu ia a pé, mas, como acabo me aborrecendo com os avanços de sinal, peguei o ônibus apesar do engarrafamento. Já entrei com o fone, tentando seguir a filosofia do “você vai ter que ficar aí de qualquer maneira, então tente não perceber nada que te irrite”, mas consegui perceber a musiquinha de fundo. Fiz inúmeros exercícios de respiração, encarrei a funkeira, e decidi pôr a minha musiquinha alta também. Foi então que percebi que era música crente, o pior caso de filha da putagem escrota ridícula babaca estúpida que pode haver. Claro que não ia ficar ali muito tempo, era só pra ser uma amostra grátis de Slayer, sei lá eu acho que a pessoa pode cair a ficha que dois sons altos vira uma zona, enfim, não adianta porra nenhuma mesmo, decidi descer, faltando um quilômetro e meio. Puxei a cordinha com uma violência tal que machuquei minha mão, e, infelizmente, o piloto estava mais preocupado em “evitar a farra” dos alunos que estavam pra entrar no ônibus do que em abrir a porta. Como se o ônibus já não tivesse uma favela… Ahhh, quando ele falou “não quero ninguém falando palavrão no meu ônibus” para os alunos, enquanto a porta de trás CONTINUAVA FECHADA, eu berrei: Abre a porra da porta, caralho. Por que, com educação, ninguém que tinha pedido foi ouvido. Então ele ouviu e, com as risadas dos alunos, disse “Comé que é” eu respondi em tom de deboche com uma cara que deve ter sido de maluco mesmo, que é quando fico nervoso e falo “abre a porta ‘por favor’ “. Finalmente desci dessa praga e tentei pôr em prática o exercício físico do ódio. Porque não podemos disperdiçar essa adrenalina, o corpo se prepara para correr e atacar uma manada de deliciosos elefantes, mas aí você, na verdade, só está estressado e vai apenas se encaminhar para casa, sentar no sofá e receber todas os dividendos da adrenalina inutilmente emitida… Então, que seja usada para bombar o exercício físico. Não deu muito certo porque a primeira paralela que eu sabia que tinha era meio longe, tive que me conter, mas ainda assim não me contive e vários foram os sinais atravessados com perigo… Andei bem rápido (talvez gastando um pouco da adrenalina) e finalmente cheguei, fiz meu exercício. Então foi esse o combo: engarrafamento + música alta + crente + aluno. Me deu um pouco de coragem pra gravar, pretendo [SPOILLER] fazer um vídeo com o “melhor” do povo carioca, vídeo que provavelmente não fará sucesso algum, mas foda-se.

636 gardênia azul redentor 47758

A ALEGRIA !!!11!!! lixo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s